Exames Ocupacionais

Quais são os exames obrigatórios?

Os exames ocupacionais se tornaram obrigatórios a partir da legislação trabalhista de 8 de junho de 1978, sendo regulamentados pela pela Portaria nº. 3214. A empresa que possui pendências quanto a essa documentação ou que não realiza os exames em seus funcionários está sujeita à cobrança de multas, pois é de responsabilidade da organização assegurar ao funcionário um ambiente seguro e saudável. Abaixo, listamos a periodicidade com que os exames ocupacionais devem ser realizados. Confira:

ADMISSIONAL

Deve ser realizado antes da admissão do novo funcionário, com a função que o mesmo irá exercer, tanto o clínico (ASO), como os Complementares.
Ver mais

Periódico

Devem ser realizados anualmente, isto é, doze meses após o Ex. de Admissão, repetindo-se também, os exames complementares.
Ver mais

Demissional

Deve ser realizado antes da homologação, se possível, até o último dia de trabalho do empregado.
Ver mais

Mudança de Função

Dever ser realizado antes da data da mudança da função, desde que tenha alteração de atividade ou posto de trabalho que implique na exposição do trabalhador, a risco diferente daquele a que estava exposto antes da mudança.
Ver mais

Retorno ao Trabalho

Deve ser realizado no primeiro dia da volta ao trabalho do trabalhador ausente por período igual ou superior a 30 dias, por motivo de doença ou acidente, de natureza ocupacional ou não, ou parto.
Ver mais

Exames Complementares

Os exames laboratoriais são essenciais para os médicos diagnosticarem certas doenças ou confirmarem um diagnóstico. O paciente vai até um laboratório indicado e retira amostras para análise. Ele deve ser realizado por profissional habilitado, ou seja, médico, biomédico, técnico de enfermagem, ou enfermeiro, conforme resoluções dos respectivos Conselhos Federais profissionais.
Ver mais